Páginas

domingo, 10 de agosto de 2008

Feliz Dia dos Pais...

"10 de Agosto de 2008"...! "Dia dos Pais"...! De Todos os Pais...!

Como seria bom a todos os pais e filhos desfrutar bem felizes deste dia estabelecido entre Dias das Crianças, das Mães, da Pátria, da Confraternização Universal...! Estabelecido para animação da vida, dos meios de vida... No argumento dos valores essenciais a bem viver... Um dia pelo valor social da paternidade...!

Quão gratificante a pais e filhos e pais dos filhos de todas as mães que conhecemos seria podermos, felizes, comemorar num Dia dos Pais a honra a Pai e Mãe, e assim também a filhos e filhas...!

Quão bom seria pudessem todos os vivos podermos, todos, congratularmos pela felicidade de termos todos reconhecimento por sermos filhos e filhas dignos da honra a pai e mãe...! E pais e mães felizes por terem, em seus filhos, descendências íntegras ao que de bom se lhes fora apresentado pela qualidade de vida...!

Quão bom seria que todos os pais vivos pudessem saber hoje como e onde estão seus filhos e filhas...! Seria um Dia Brilhante...! Efetivamente...!

Quão bom seria que cada pai dedicado a instruir a seus filhos e filhas pudesse admitir que realmente todos os de sua casa têm em seu lar uma Igreja Doméstica... Na qual falar do Pai de todos nós pudesse ser motivo de honra, de satisfação...! Onde a instrução do Pai Nosso que está nos Céus, que através dos Profetas alertou-nos: "Ai de quem não procurar a sabedoria" e "Ai de quem não apregoar a sabedoria" pudesse ser feliz realidade...!

Quão bom seria que cada pai deste país de brasileiros e brasileiras pudesse saber que seu lar é considerado na sua plenitude de ser, na sua naturalidade de haver... Na sua essencialidade ao bem poder desenvolver tudo o que lhe concerne...! E também assim aos pais de todo o mundo...

Quão bom seria que cada pai que existe soubesse da existência e dos nomes de cada um de seus filhos... E que cada um dos seus filhos pudesse dar graças ao Pai Celeste pelo pai que lhe gerou... E pelo respeito devido à integridade necessária a ser pai de verdade... Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo...

Quão bom é poder escrever estas linhas concorrendo a uma expressão de reconhecimento comungada por pais, mães e filhos, na certeza de que isto pode ser bom... Ao Pai do qual provém toda a Vida, e todos os demais pais...