Páginas

domingo, 16 de julho de 2017

Hora de Oração, Oração! E Frutos!




Hoje como de costume participei da Santa Missa "nossa de cada Dia do Senhor"! No caso da maioria dos cristãos, o Domingo, Dia da Ressurreição de Jesus, o Cristo, o filho ungido amado de Deus! E de Maria Imaculada! Predestinada a ser assim de acordo com o que nos testificam as Sagradas Escrituras! 

Bem, antes do início, tive grata surpresa de ver um irmão no discernimento da santa fé fazendo as orações diante do Santíssimo presente na Eucaristia. Logo após fazer as minhas! E ao ver o mencionado irmão, com quem desde então iniciei amizade, notei que o mesmo estava de bermuda! Mas tal pelo fato de ter em sua perna esquerda tatuada uma imagem de espetacular e singela expressão de fé e união compromissada com os seus valores essenciais que nós comungamos. A imagem apresentada nas fotografias que ilustram o presente artigo.

Como resultado de uma maravilhosa condição de fervor no discernimento religioso que temos e que a comunidade em que vivo há 25 anos tem, a Missa de hoje foi de tal maneira rica em expressões e sentimentos de valores divinos, que acabei postando o seguinte texto em meu perfil social no Facebook:

"Bom dia!

Acordei com o despertador programado para o horário da Missa! Da qual cheguei agora! E, exatamente assim, QUE DELÍCIA DE MISSA...! Abençoada...! Repleta de bençãos e graças! Em que revi e congratulei-me ardentemente com vários bons e maravilhosos amigos, conheci alguns novos de muito valor, e até com Nosso Senhor e Nossa Senhora, e também com o Pai Nosso e o Espírito Santo houve momentos especialmente diferenciados! Alegrias especiais de todos nós! Até quando cheguei em casa e reverenciei a Santíssima Família Real Celeste entronizada a bem...!

Acordei na hora certa, fiz o que deveria fazer, e colhi os frutos! Colhi e reconheci ao menos um pouco o que as pessoas mencionadas também colheram! Do que plantamos, cada um de nós...!

Beijos e abraços, segundo o personalizadamente cabível e apropriado...!

Bom Dia do Senhor!"

Durante e depois da Missa tive extraordinárias oportunidades de reencontrar vários amigos. De cujos acalorados encontros, que dinheiro nenhum pode comprar, cheguei em casa ainda radiante! Rejubilante diante do Senhor! Uma maravilha sem par!

Mas não deixei de observar a atenciosa atitude de um dos amigos que tive o prazer de então cumprimentar. Com certa e reverente postura solidária ao que estimo estar vivenciando em necessidades de soluções sociais! Pelo que vi necessário partilhar um importante aspecto que deve reger nossa postura diante de Deus. Em especial aos momentos por Ele prescrevidos dedicados à expressão de nossa fé e união em virtude de Suas graças.

Durante tais reuniões e demais momentos de adoração, culto e louvor, apesar de termos todos nossas "cruzes", nossos problemas pessoais por serem solucionados e assim superados, devemos estar concentrados em Deus! Ele nos conhece, nos provê tudo de bom que podemos usufruir. Espiritual e materializadamente! Ele é Onisciente, Onipotente e Onipresente. Sabe tudo de nós, passado e presente. E antevê o futuro a nós possível segundo nossos contextos. E assim também conhece todas as necessidades que individual e socialmente temos. Para nós e todos os que particularmente queremos bem! De que, na hora da graça, da oração, individual ou em comunidade, nada mais importante e valioso há a fazer senão nos concentrarmos prioritariamente nisto! De acordo com o a nós socioambientalmente possível! Os nossos problemas temporais, que também são de Deus, pelo interesse que Ele tem em nós, são assim reforçadamente parte do interesse divino a que sejam resolvidos! E o poderão, de acordo com o disposto por Ele na matemática da Sua sabedoria! Para que todos nós sejamos felizes, perfeita e santamente! Jamais tolinhos...!

Quando orarmos, em casa, na Igreja ou em agrupados em outros locais, estarmos concentrados em Deus é essencial para nossa felicidade. Para nossa oração, tranquila e serenamente, em corações e mentes, frutificar a bem! Alegres ou tristes, abastecidos ou carentes, se não estivermos concentrados em Deus ao nos dirigirmos a Ele ou em Sua virtude, estaremos como que reunidos com amigos digitando textos no celular! Não pode ser assim...!

Problemas seculares devem ser solucionados quando não estivermos em oração! hora de orar, orar; hora de trabalhar, trabalhar! "Ora et labora." Ora mas labora! Fé sem obras de nada vale! "Há tempo para tudo", diz o Senhor!

Nenhum comentário: